Como Comprar Ações Na Bolsa Veja O Guia Completo

Como comprar ações na bolsa? Veja o guia completo!

A compra de ações  faz parte das possibilidades de investimento que qualquer pessoa pode fazer, desde que possua certa quantia em dinheiro e as orientações apropriadas. Antigamente, considerava-se que fazer investimento na bolsa de valores era uma coisa muito perigosa e que somente as pessoas com mais dinheiro poderiam realizar, mas isso se devia muito mais a não existir tantas informações.

Para que o investimento na bolsa de valores seja rentável, é preciso que se analise de qual empresa é aquela ação e qual é a sua situação financeira, além da cotação. Quando se está tentando comprar ações que estão na bolsa de Nova York, por exemplo, tem-se de avaliar como ela está cotada: se está em alta ou não. Importa analisar ainda qual é a cotação do euro ou do dólar, já que essas moedas também podem fazer com que a ação seja valorizada.

1 – Quantidade realista de dinheiro para o investimento

A pessoa que está tentando comprar ações da bolsa tem de saber quanto pode investir. Para determinar isso, deve-se considerar quais são os gastos mensais e quais são as saídas de dinheiro: não adianta essa pessoa despender demais em ações e corroer uma parte do orçamento.

Esse é um motivo pelo qual alguns investidores acabam com prejuízo. Além disso, não se pode permitir que a compra de ações se torne um vício: algumas pessoas não se interessam tanto pela valorização da ação e o lucro, mas sim pelo suspense. Nesse caso, torna-se quase um jogo de azar, ou seja, o investimento em ações transforma-se em algo viciante.

Veja também:

2 – Procurar por uma corretora confiável

Se a pessoa está em seu primeiro investimento na bolsa, é mais seguro procurar por uma corretora de ações para evitar erros. Essas corretoras fornecerão à pessoa todas as informações principais sobre a bolsa de valores e os tipos de ações que estão mais valorizadas.

Destaca-se que procurar uma corretora de ações não significa que a pessoa não terá autonomia com relação aos investimentos. Nenhuma corretora investe sem que o interessado autorize; além disso, no caso de a pessoa acreditar que os rendimentos das ações não estão satisfatórios, pode solicitar que todas as ações sejam vendidas e procurar por outra corretora.

Como Comprar Ações Na Bolsa Veja O Guia Completo

3 – Ficar atento com relação ao cenário empresarial

Além dos resultados financeiros, a reputação das empresas também colabora para que as suas ações sejam valorizadas ou não. Supondo-se que uma pessoa deseje comprar ações de uma companhia energetica e fique-se sabendo de um esquema de corrupção nela: certamente, essas ações estarão bem mais baratas.

Os valores das ações são modificados sempre e é por isso que as pessoas que querem investir em determinada empresa deve sempre aguardar: provavelmente, a ação ainda cairá de valor em certo momento, mesmo que seja em baixa porcentagem. Quando houver essa queda, será essa a hora de o investidor comprar a ação.

4 – Objetivos

Existem formas variadas de se comprar ações e elas determinarão se o investidor terá um rendimento mais rápido ou não. Sendo assim, é válido considerar se a necessidade do retorno é muito alta ou não: isso evitará que a pessoa compre um tipo de ação que demora mais para ter lucro.

Quando o investidor utiliza uma corretora de ações, é indispensável que o corretor saiba dessa necessidade. É com isso que ele saberá fazer as orientações corretas com relação às ações a serem adquiridas.

5 – Saber o momento de vender as ações também é imprescindível

Por mais promissora que uma empresa possa parecer, as pessoas não precisam ficar com as ações delas para sempre: em determinados cenários econômicos, é melhor que elas sejam vendidas e que sejam compradas de novo depois. O momento de vender é quando ela está desvalorizada: como o investimento estará ocasionando prejuízo, será necessário colocar um valor menor nela.

É interessante que aqueles que são clientes de corretoras de ações autorizem os seus corretores a realizar a venda no caso de desvalorização. Isso porque as flutuações na bolsa de valores são muito rápidas e, enquanto o corretor tenta contatar o cliente, é possível que o cenário já tenha mudado.

Como Investir Na Bolsa

Clubes de investimentos

Essa é uma opção quando as pessoas físicas querem fazer investimentos na bolsa de valores. Com esse clube, é possível que os indivíduos compram as ações em conjunto e que seja apenas com quem eles conhecem, como a sua família: o máximo que esse clube permite são 50 participantes e não se pode fazer o investimento com menos de 3 integrantes.

É claro que a parte negativa é que os rendimentos dessas ações serão divididos entre as pessoas que estão no clube de investimentos. Por outro lado, também existe um prejuízo menor para cada um quando acontece uma desvalorização.

Fundos de investimentos

O mercado de ações disponibiliza muitos fundos de investimentos diferente, cada um deles com a sua porcentagem de taxa e com os seus tipos de regras. O CDB, que é bastante conhecido, faz parte dos fundos de investimentos e as corretoras explicam cada um desses fundos com detalhes.

Cabe ressaltar que os fundos de investimentos também diferem pelo fato de que eles não têm o mesmo risco: alguns deles causam mais probabilidade de os investidores perderem rendimentos.

Como Comprar Ações Na Bolsa Veja O Guia Completo

Compra individual

Esse tipo de investimento na bolsa de valores é recomendado em dois contextos diferentes: o primeiro é quando se tem a assessoria de uma corretora de ações e a segunda é quando o indivíduo já fez investimentos antes e, dessa forma, sabe bem quando realiza as compras das ações e quando deve vendê-las.

Com a compra individual das ações, as pessoas desfrutam sozinhas do lucro que o investimento trouxer. Ao mesmo tempo, quando existe uma desvalorização, elas são afetadas sozinhas. Também há a vantagem da autonomia: o investidor não precisa consultar ninguém quando escolhe que quer vender aquelas ações, coisa que teria de fazer se estivesse investindo usando um clube.

Ressalva-se que as pessoas que desejam comprar na bolsa de valores precisam estar seguras com relação às taxas.

 

Investir Em Ações Reais

Como Investir em Ações com 100 Reais? Veja o Passo a Passo Completo!

Como investir em ações com 100 reais?

Essa é uma dúvida muito comum de quem está pensando em começar a guardar um dinheiro mensalmente e quer investir em ativos com alta rentabilidade. A primeira coisa que você precisa saber quando falamos sobre investir em ações é que não é necessário ter MUITO dinheiro para começar.

Existe um grande mito que só os ricos podem investir e fazer fortuna na bolsa de valores. Essa é uma grande mentira pois mesmo com pouco dinheiro você pode começar a sua jornada de investidor de sucesso.

Muita gente fala que é possível investir no tesouro direto com apenas 30 reais, mas ninguém fala que é possível investir na bolsa de valores até com 10 reais ou menos.

Continue lendo esse artigo até o final para finalmente descobrir como investir em ações com apenas 100 reais no bolso!

Investir Em Ações Reais

O primeiro passo para investir em ações com 100 reais

O primeiro passo para você começar a investir na bolsa de valores com 100 reais é procurar uma boa corretora de valores. Nessa corretora você terá uma carteira de investimentos. Funciona como se fosse uma conta bancária, você vai transferir fundos para a sua carteira e na plataforma da corretora irá comprar ações, investir em renda fixa ou qualquer outro tipo de investimento.

Temos algumas corretoras online bem renomadas no mercado e eu indico que você comece por alguma dessas três:

Atualmente eu uso a Easy Invest, ela é ideal para você que também pretende investir em tesouro direto, CDB ou qualquer outro produto de renda fixa, pois a taxa de administração é zero.

Garimpando ações baratas

Já que você vai ter apenas 100 reais para investir nas ações será necessário garimpar e achar as ações baratas e que possuem potencial de valorização, afinal de contas, você quer colocar 100 reais e obter lucro!

Para isso, você pode usar a plataforma do Guia Invest PRO, lá você conseguirá ver quais são as ações mais baratas do momento, assim como as suas altas e quedas.

Se você tem apenas 100 reais para investir, o ideal é que procure ações que custem na faixa de 0,50 a 1 real. Lembrando que o ideal para quem tem pouco dinheiro para investir é comprar lotes de 100 ações.

Então com 100 reais você pode comprar 100 ações de até 1 real e ficar de olho na valorização do ativo.

CLIQUE AQUI PARA VER UMA AULA EXCLUSIVA ENSINANDO A COMO GANHAR DE 1 A 5 MIL REAIS POR MÊS COM DIVIDENDOS!

Abaixo eu vou dar um bom exemplo de ação que custava menos de 1 real e que teve uma excelente valorização no médio prazo.

Ações da Usiminas

A Usiminas é uma empresa do ramo de mineração que teve uma alta valorização na bolsa de valores em 2016. Olhando pelo gráfico abaixo podemos ver que em Fevereiro de 2016 a ação da Usiminas (USIM5) estava custando 0,91 centavos. Já hoje, em fevereiro de 2017, a mesma ação está custando R$5,31.

Como Investir Em Ações Com Reais Veja O Passo A Passo Completo

Isso quer dizer que se naquela época você tivesse comprado 100 ações da Usiminas teria pagado apenas 91 reais, tendo hoje em mãos 531 reais. Isso no prazo de 1 ano do investimento.

Viu como é possível ganhar dinheiro na bolsa de valores mesmo tendo pouco para investir?

Ok, eu confesso que não é fácil prever uma valorização tão grande como essa, mas existem alguns fatores que podem ajudar. Veja abaixo!

Analisando ações com potencial de crescimento

Potencialdecrscimento

Para conseguir ganhar dinheiro na bolsa mesmo tendo pouco dinheiro você precisa saber analisar as ações que possuem potencial de crescimento no médio prazo (de 6 meses a 1 ano).

Veja abaixo alguns fatores que podem ajudar você nessa escolha:

  • Lucro: A empresa está dando lucro? As empresas costumam divulgar resultados trimestrais de lucros aos seus acionistas. Uma empresa com históricos de lucro costuma ter as suas ações valorizadas no médio e longo prazo.
  • Dívidas: É sempre bom você investir em uma empresa que não tenha muitas dívidas, assim o risco de falência e perda do seu investimento é mínimo.
  • Mercado: Fatores como taxa de juros, dólar, preço do petróleo e minério de ferro podem influenciar muito o valor das ações de determinada empresa.
  • Dividendos: As ações pagam dividendos com frequência? Analise o Dividend Yiel de cada companhia e veja qual é melhor para ter uma renda passiva.

Conclusão

Agora que você viu as dicas sobre como investir em ações com 100 reais é hora de ter disciplina para conseguir fazer essa reserva de dinheiro mensalmente.

De nada adianta você colocar 100 reais em alguma ação e depois nunca mais investir. É preciso ter regularidade e investir de forma constante sempre diversificando a sua carteira de ativos.

Se você gostou das dicas desse artigo ou possui alguma dúvida, basta deixar o seu comentário abaixo!

Bons investimentos e bora pro topo =)